BLOG DO COVEIRO

Contatos: wenddel_cocal@hotmail.com Fone/WhatsApp: (86) 99972-6801.

quinta-feira, 11 de outubro de 2018

14 anos após crime, autor de homicídio em Cocal-PI é preso em Açailândia-MA

Um homem de 39 anos, identificado como Alessandro Rodrigues de Sousa, autor de um homicídio praticado em face de João Paulo de Amorim, morto a tiros e pauladas no ano de 2004, no município de Cocal-PI, foi preso por policiais civis no dia 31 de julho de 2018, no município de Açailândia, situado na Microrregião de Imperatriz, Mesorregião Oeste do Maranhão. 



O Comando de Operações Prisionais do Piauí (COP) realizou o translado de Alessandro Rodrigues que se encontrava encarcerado na Unidade Prisional de Ressocialização de Açailândia-MA, para a audiência de instrução e julgamento ocorrida nesta quarta-feira (10/10), no Fórum da cidade de Cocal-PI. Após a oitiva de testemunhas e do réu, ele foi encaminhado para a Penitenciária Mista de Parnaíba-PI, onde ficará recolhido aguardando o julgamento.

O CRIME

Segundo a denúncia do Ministério Público, na manhã do dia 23 de junho de 2004, por volta das 09:00 horas, a vitima João Paulo de Amorim estava sentada numa esquina, situada no cruzamento das Ruas: Princesa Isabel com a Travessa João Ferreira de Brito, no Bairro São Francisco em Cocal-PI, conversando com outras duas pessoas quando foi surpreendia por Alessandro Rodrigues de Sousa, que chegou ao local de bicicleta e sacou um revólver calibre 38 e efetuou três disparos à queima-roupa contra a vitima, que após caída ao solo ainda foi agredida a pauladas pelo acusado, que utilizou uma estaca de sabiá.


Após a ação delituosa, Alessandro fugiu de bicicleta e seis dias depois se apresentou de forma espontânea na delegacia local. Em seu depoimento a autoridade policial, ele confessou a autoria do crime, alegando que agiu em legitima defesa porquê a vitima havia feito gestos de puxar uma arma para ele e ainda sob a motivação de que João Paulo, juntamente com familiares, haviam dado uma surra em sua esposa dias antes do crime.

Como não houve flagrante o réu foi liberado para responder a acusação em liberdade. Desde então ele se encontrava em local incerto e não sabido pela justiça. 

MANDADO DE PRISÃO

No dia 19 de novembro de 2009, no Fórum de Cocal-PI, foi realizada a primeira audiência de instrução e julgamento do caso, na qual o réu não compareceu a oitiva. Diante de sua ausência, o Judiciário acatou o pedido do Ministério Público, suspendendo o prazo prescricional do processo e expedindo um mandado de prisão preventiva em desfavor de Alessandro Rodrigues.

A PRISÃO

Alessandro Rodrigues de Sousa e a sua companheira Maria dos Remédios Lima foram presos em uma operação policial coordenada pelo Delegado Dr. Murilo Pedroso Lapenda, da 9ª Delegacia Regional de Policia Civil de Açailândia-MA.


O Delegado informou a imprensa local que o casal estava sendo investigado por crimes de outras modalidades, incluindo o tráfico de drogas. Durante a investigação constatou-se que em desfavor de ambos haviam mandados de prisão preventiva por crimes de homicídio. 

A prisão de Alessandro Rodrigues foi determinada pela Comarca de Cocal-PI, pelo crime de homicídio praticado em face de João Paulo de Amorim; enquanto que a de sua esposa, Maria dos Remédios, foi decretada pela Comarca de Açailândia-MA, que aponta ela como a principal suspeita de ter matado um usuário de drogas, identificado apenas pelo prenome de “Willame”, que pretendia concorrer com ela na traficância de entorpecentes.

Nenhum comentário:

Postar um comentário