BLOG DO COVEIRO

Contatos: wenddel_cocal@hotmail.com Fone/WhatsApp: (86) 99972-6801.

terça-feira, 19 de fevereiro de 2019

Integrante do Comando Vermelho que comandou vários roubos em Cocal-PI é preso no Ceará


Uma ação integrada entre a Delegacia de Repressão às Ações Criminosas Organizadas (Draco), a Delegacia Regional de Sobral-CE e a Unidade Tático Operacional (UTO) da Polícia Civil do Estado do Ceará (PCCE), ocorrida nessa segunda-feira (18/02), resultou na prisão de três pessoas, entre elas um homem foragido da Justiça de Tianguá-Ceará e de Cocal-Piauí, que segundo as investigações do Núcleo de Homicídios e Proteção à Pessoa e do Núcleo de Combate ao Tráfico de Drogas da Delegacia Regional de Sobral é um dos lideres da facção criminosa Comando Vermelho na cidade de Sobral-CE.

Além do cumprimento dos mandados de prisão, as equipes policiais apreenderam uma metralhadora .40, um fuzil 762, duas pistolas 9 mm (todas de uso restrito), além de munições e muito entorpecente. A ação policial aconteceu de forma simultânea nos municípios de Caucaia e Sobral, respectivamente. Todo o trabalho policial foi apresentado, nesta terça-feira (19/02), no auditório do Complexo de Delegacias Especializadas (Code), em Fortaleza-CE. 


De acordo com Harley Filho, titular da Delegacia de Repressão às Ações Criminosas Organizadas (Draco), o alvo principal da operação era Francisco Wagner Xavier Mouta, de 40 anos, mais conhecido como "Amazonas" ou "Waguel", que foi localizado em uma casa de praia no Icaraí, em Caucaia. 


Contra Wagner Xavier havia dois mandados de prisão em aberto, sendo um do município de Tianguá, no Ceará, e outro de Cocal, no Piauí. Pesa ainda sobre ele quatro procedimentos por homicídio instaurados pelas delegacias regionais de Sobral e Tianguá, e uma série de roubos e furtos em que ele é apontado como o mandante na cidade de Cocal-PI [CLIQUE AQUI e reveja].  


Ao ser abordado, o homem apresentou uma documentação falsa e no interior do imóvel a polícia localizou duas pistolas 9mm municiadas, aproximadamente R$2 mil reais em dinheiro, maconha, duas balanças de precisão, e no painel de uma Mitsubishi Pajero, foram encontrados um total de 13 kg de crack e pasta de óleo para fabricação do referido entorpecente. Além disso, o acusado indicou um sítio na cidade de Sobral, em que estavam enterrados uma metralhadora .40, um fuzil 762, 54 munições de calibres .40, 45 e 38, além de quatro carregadores. Waguel disse que o material vinha de Manaus, capital do Amazonas.


O homem alegou, durante depoimento, que o papel dele dentro da facção criminosa era repassar a droga para outras pessoas encarregadas de comercializar a substância no mercado. Além disso, ele confessou que foi condenado a cerca de 14 anos de prisão em Amazonas, por assassinato. O homem foi autuado pelos crimes de tráfico e associação para o tráfico de drogas, posse ilegal de arma de fogo de uso restrito, uso de documento falso, receptação e organização criminosa.


Além de Wagner Xavier, a operação resultou na captura de mais duas pessoas, também em Caucaia. O primeiro foi identificado como Aloísio da Silva Sousa, de 45 anos, mais conhecido como "Neguim do Frango". Ele é apontado como braço direito de “Amazonas”. A segunda pessoa foi Arlinda de Melo Xavier, de 33 anos, que é prima de “Amazonas”. Os levantamentos da polícia apontam que o casal colaborava com o tráfico de entorpecentes na região de Sobral. 


"Neguin do Frango" já tinha passagem pela Polícia por crimes contra a administração pública, tráfico e associação para o tráfico de drogas, tentativa de roubo, receptação, homicídio, adulteração de sinal identificador de veículo automotor, desobediência, e associação criminosa. Ele foi autuado em flagrante por tráfico e associação para o tráfico de drogas, posse ilegal de arma de fogo de uso restrito, receptação e organização criminosa.


Já Arlinda respondia por tráfico e associação para o tráfico de drogas, adulteração de sinal identificador de veículo automotor e receptação. Ela foi autuada por tráfico de drogas e posse ilegal de arma de fogo de uso restrito.

As investigações sobre a atuação do trio em Sobral ficarão a cargo da Delegacia Regional do Município.

Fonte: SSP-CE
Edição: Blog do Coveiro

Nenhum comentário:

Postar um comentário