BLOG DO COVEIRO

Contatos: wenddel_cocal@hotmail.com Fone/WhatsApp: (86) 99972-6801.

sexta-feira, 13 de setembro de 2019

Motorista é preso por embriaguez após colidir carro em caminhão que tomba em Cocal-PI


Um caminhão carregado de frutas, verduras e hortaliças tombou, e o motorista de um carro de passeio acabou preso por embriaguez ao volante, após os veículos colidirem por volta das 23 horas desta quinta-feira (12/09), na PI-213, rodovia que interliga os municípios de Cocal-PI e Viçosa-CE, precisamente em um trecho com lombadas situado na altura da localidade Jacaré, próximo a entrada que dá acesso a comunidade Franco, zona rural de Cocal, cidade da região norte do Piauí. 


Os veículos envolvidos no acidente trata-se de um caminhão Mercedes Benz 710, ano/modelo 2011, de cor vermelha, com placas de Viçosa do Ceará-CE, e um automóvel Chevrolet Prisma, ano/modelo 2007/2008, de cor prata, com placas de Cocal-PI. 


O condutor do caminhão foi identificado como Antônio Ramos dos Anjos Filho, de aproximadamente 40 anos, residente em Paulino Neves no Maranhão. Já o motorista do carro de passeio é Miguel Cardoso Delfino, conhecido como "Miguel do Bento", de 60 anos, residente na localidade Belém, zona rural de Cocal dos Alves-PI. Ambos saíram ilesos. 


Uma equipe da Polícia Militar atendeu a ocorrência e constatou que o senhor Miguel do Bento apresentava sinais visíveis de embriaguez alcoólica. O suspeito foi encaminhado ao posto da Polícia Rodoviária Federal (PRF) em Parnaíba-PI, onde recusou ser submetido ao teste do bafômetro. 


Diante da negativa do homem, ele foi conduzido para a Central de Flagrantes de Parnaíba-PI, onde foi autuado nos crimes de trânsito agravado a Lei Seca e encontra-se encarcerado à disposição da justiça.  


Conforme o repassado aos militares, ao que tudo indica, o caminhão trafegava sentido Viçosa-CE/Cocal-PI, quando o outro veiculo que seguia no sentido oposto invadiu a contramão ocasionando uma colisão lateral, o que fez o caminhoneiro perder o controle da direção e tombasse na sequência.

Nenhum comentário:

Postar um comentário