sábado, 8 de fevereiro de 2020

Prejuízo de R$2 milhões: Polícia apreende caminhão com carga de cigarro contrabandeado em Cocal-PI


Uma operação envolvendo a Polícia Militar, Polícia Civil e fiscais da Secretaria de Estado da Fazenda (SEFAZ) resultou na apreensão de um caminhão baú carregado de cigarros da marca Gift, supostamente contrabandeados. A carga gira em torno de um numerário de 700 a 800 caixas de cigarros, avaliada em quase R$ 2 milhões. O fato ocorreu nesta sexta-feira (07/02), em Cocal, município da região Norte do Piauí. 



A ação teve inicio após uma equipe da Coordenação de Fiscalização Itinerante (COFIT) da Sefaz interceptar o caminhão com o intuito de verificar se a carga, até o momento desconhecida, possuía nota fiscal. A abordagem aconteceu enquanto o veiculo transitava na PI-301, sentido Brejinho/Cocal, na altura da ladeira do Caldeirão, zona rural de Cocal.

Caminhão Volkswagen 24.280 ano/modelo 2014, de cor branca, com placas OWA-4953/São João do Sabigi-Rio Grande do Norte.
De inicio, o motorista alegou que a carga não tinha documentação, pois se tratava de sacos de palha de arroz. Ao ser comunicado pelos fiscais que o caminhão e ele seriam levados ao posto de fiscalização situado na localidade Jacarandá, o suspeito afirmou que também transportava algumas caixas de cerveja, tentando a todo custo resolver a situação no local.


Durante a condução ao posto fiscal, o motorista falou que precisava abastecer e parou o veiculo em um posto de combustíveis na comunidade Jacarandá, bem próximo à repartição onde seria feita a conferência da carga. O suspeito conseguiu despistar os fiscais e fugiu com um homem que chegou ao estabelecimento em um automóvel Renault Logan, ano/modelo 2018/2019, de cor branca, com placas QOF-1332/Maracanaú-CE.


Com a fuga do motorista, levantou-se a desconfiança o caminhão transportava algo ilícito. Uma guarnição da Polícia Militar e agentes da Polícia Civil foram ao local e conduziram o veiculo a Delegacia de Cocal, onde ao abrir o baú e retirar vários sacos contendo palha de arroz constatou-se que cerca de 80% da carroceria era ocupada pelos cigarros. 
Sacos de palha de arroz foram utilizados para camuflar a carga.
O caminhão e a carga foram encaminhadas à sede Polícia Federal em Parnaíba-PI, que passa a investigar a procedência do veiculo, do homem que deu fuga ao motorista, bem como a origem da carga, com o intuito de identificar e prender a referida organização criminosa. 


Devido a grande quantidade de material apreendido, não houve meios (pessoas para descarregar) para periciar e contabilizar o carregamento, que há uma grande suspeita de conter outros apetrechos de natureza ilícita, a exemplo de drogas e armas.

Na foto acima aparece o motorista que fugiu. Imagem capturada pelo circuito de segurança de uma lanchonete. 
Na imagem acima está o carro e o homem que deu fuga ao motorista.
Dados da placa do carro que o motorista fugiu.

Nenhum comentário:

Postar um comentário