BLOG DO COVEIRO

Contatos: wenddel_cocal@hotmail.com Fone/WhatsApp: (86) 99972-6801.

quarta-feira, 20 de setembro de 2017

Reportagem TV Cidade Verde: Estradas transformarão Cocal em um grande entroncamento rodoviário

Chegar ao litoral do Piauí, partindo de Teresina, será mais rápido. Isso porque está em construção uma nova estrada que irá reduzir em 80 km a distância entre a capital e o mar. O secretário estadual de Transportes, Guilhermano Pires, explicou, nesta quarta-feira (20), em entrevista ao Jornal do Piauí, que, na verdade, serão duas estradas que se conectam no município de Cocal: uma sendo construída pela Setrans partindo da BR-343 logo após Piracuruca em direção a Cocal; e a outra saindo de Cocal, passando pelo povoado de Brejinho, chegando a altura de Carumupi, sendo executada pelo Idepi.


"Essas duas estradas quando conectadas diminuirão a distância entre Teresina e Cajueiro da Praia em aproximadamente 80 km, fazendo com que essa nossa grande atração turística seja mais fácil o acesso a todos os nossos teresinenses e visitantes", disse o secretário. Um dos pontos mais buscado por visitantes do litoral piauiense fica em Cajueiro da Praia, a praia de Barra Grande. 

Guilhermano destacou ainda que a possibilidade de uma rota menor para chegar até o litoral também contribuirá para a economia da região, incluindo o município de Cocal. 

"Essa estrada vai transformar Cocal em um grande entroncamento rodoviário. Aquela região já é hoje uma fronteira agrícola na produção de grãos e em breve deverá ser instalado uma agroindústria de laticínios. Essa estrada vai fazer com que a logística desses empreendimentos seja melhorada", ressaltou.

As obras de pavimentação asfáltica no trecho da PI-309, em Cocal, na região Norte do Piauí, também vai melhorar o fluxo de veículos para o Ceará, para àqueles que têm como destino cidades como Camocim e Jericoacara, pois não vão mais passar por Parnaíba. 

A previsão é ser entregue à população em maio/junho de 2018. “Queremos entregar a obra pensando nas férias de julho”, comentou o secretário. 

Fonte: Cidade Verde

Nenhum comentário: